Senhas: a primeira barreira contra invasões

Nos dias de hoje é comum vermos notícias sobre vazamento de dados, roubo de informações pessoais e outros tipos de notícias envolvendo segurança da informação, mas há uma pergunta que fica no ar e que devemos nos atentar a ela: será que não estamos facilitando o roubo de informações por negligenciarmos o mínimo de segurança em nossas senhas?

Números alarmantes

No ano de 2018 a empresa americana SplashData divulgou uma lista com as piores senhas utilizadas pelos usuários. O que mais impressiona é que mesmo com tantas notícias e informações sobre segurança que temos nos dias de hoje uma das senhas mais usadas em serviços online é “123456” e algumas de suas variações. Mas nada é tão ruim que não possa piorar! Esta senha está presente na lista de mais usadas já há 5 anos.

Para termos uma ideia melhor de como nós usuários realmente não estamos dando a devida atenção as senhas que utilizamos vou mostrar abaixo as 10 senhas mais utilizadas em 2018:

  • 123456
  • password
  • 123456789
  • 12345678
  • 12345
  • 111111
  • 1234567
  • sunshine
  • qwerty
  • iloveyou

Se observarmos com atenção veremos que a grande maioria das senhas são variações numéricas simples. Os motivos para utilização de senhas desse tipo são diversos e quase infinitos. Facilidade para lembrar, dificuldade em administrar várias senhas ou mesmo a descrença de que alguém vá tentar utilizar essa senha por ser muito óbvia, o que é um grave erro já que nos dias de hoje é comum a utilização dos chamados robôs que testam várias destas senhas de forma rápida e totalmente automatizada.

Senhas são parte de sua estratégia de Segurança.

Se por um lado não temos responsabilidade sobre como os dados que os aplicativos que utilizamos são armazenados, mas a LGPD está batendo a porta, por outro temos a obrigação de fazermos nossa parte e evitar senhas como as citadas acima ou outras de fácil adivinhação como datas de nascimento ou nomes de parentes ou animais de estimação.

Existem várias razões para melhorarmos as senhas que utilizamos no nosso dia a dia. Dentre elas podemos destacar as seguintes:

  • Manter suas informações seguras;
  • Impedir que outra pessoa acesse suas contas;
  • Proteger seus e-mails, arquivos e demais conteúdos;
  • Impedir que outra pessoa se passe por você e envie informações ou faça compras em seu nome;

Nossas senhas são a primeira barreira contra invasões e devemos cuidar muito bem delas. São elas que garantem que terceiros não irão acessar os aplicativos e serviços que utilizamos em nossa rotina diária.

Dicas para ter senhas fortes

É comum vermos informações que uma senha forte é aquela impossível de se decorar. Aquela senha que contenha vários caracteres especiais, números e letras que chegam a dar um nó no cérebro. De fato, senhas que seguem essas dicas são mesmo seguras, mas podemos usar isso a nosso favor e ao invés de trocar nossa senha por uma que não vamos nos lembrar podemos apenas adaptar nossa senha atual para que ela se enquadre nestes requisitos. Vejamos o exemplo abaixo:

Digamos que você utilize em um serviço na web a senha cascudo, que é o nome do seu cachorro de estimação. Essa senha é considerada fraca não apenas por não se enquadrar nos requisitos, mas também por conter menos de 8 caracteres. Então como melhorar essa senha tornando-a forte sem dar um nó na minha cabeça? Simples, mas transformar a palavra cascudo em [email protected]!.

À primeira vista essa senha pode parecer impossível de decorar, mas ela é a mesma palavra escrita de forma diferente.  Dessa forma você aumenta sua segurança e também muda a cultura de que tornar nossas senhas seguras é muito complicado. Se você tem dúvidas de como criar uma nova senha que seja segura veja algumas dicas importantes:

Utilize senhas longas e fáceis de memorizar;

Pode ser uma frase de um livro ou de um personagem que você goste.

Utilize letras maiúsculas, minúsculas e caracteres especiais;

Tome como base o exemplo de senha que utilizamos acima.

Crie uma senha única;

É importante que você use uma senha única para cada conta importante. Pode parecer difícil administrar várias senhas, mas seguindo estas dicas ficará bem mais fácil.

Utilize um ferramentas de gerenciamento de senhas;

Caso tenha dificuldades para gerencias as várias senhas do seu dia a dia utilize um gerenciador de senhas ao invés de anotá-las em um papel. Existem vários gerenciadores gratuitos, como o LastPass por exemplo.

Evite senhas óbvias;

Senhas óbvias são aquelas consideradas comuns ou de fácil adivinhação por quem conhece você. No exemplo que demos o nome do cachorro é de fácil adivinhação, mas se for modificada como mostrado ficará mais difícil alguém adivinhar.

Utilize a autenticação em dois fatores;

Ela é uma camada a mais de segurança para suas senhas. Com ela além da senha é necessário utilizar um código que pode ser enviado por SMS para seu celular ou gerada via aplicativo. Assim mesmo que alguém descubra sua senha não conseguirá acessar sua conta sem saber também o código.

Seguindo estas dicas você terá senhas mais fortes e ficará mais seguro no seu dia a dia.

Antes de finalizar, gostaria de deixar uma leitura complementar. Você sabe o que é classificação da informação? Muitos gestores tem dificuldades em compreender quem pode ou não acessar determinados dados dentro da empresa, assim, entender sobre esses conceitos é fundamental para estruturar um ambiente de dados seguro.

 

 

Por favor, nos diga o que achou do conteúdo
5
Sending
User Review
0 (0 votes)

Comments