9 riscos que sua empresa corre ao utilizar um software pirata

Utilizar um software pirata abre brechas que podem ser fatais.

Um software pirata (não devidamente licenciado) é capaz de gerar diversos transtornos. Especialmente se o software pirateado está em operação dentro de uma empresa, cujo tamanho ou segmento de mercado onde atua pouco importa.

Separamos  9 riscos que sua empresa corre ao utilizar um software pirata.

Continue lendo para conhecer esses riscos e o quão nocivos podem ser para o seu negócio.

1# Vulnerabilidade dos Dados

É muito raro que uma empresa hoje em dia não possua algo como uma base de dados  de seus clientes.

Pois bem, utilizar softwares piratas multiplica as chances desses dados vazarem exponencialmente. Pois como não se está usando um software licenciado e com as devidas garantias do desenvolvedor, o mesmo pode ter sido maliciosamente modificado.

Deixando vulneráveis dados da empresa, clientes, etc. inseridos no software, acessíveis a quem modificou o programa.

2# Acesso a informações sigilosas

Uma consequência do risco anterior de se usar um software pirata é a possibilidade de acesso a informações sigilosas. Que são coletados por quem disponibilizou o software em modo pirata.

Assim, essas pessoas podem ter acesso fácil a informações restritas e que podem colocar em risco seu negócio:como dados pessoais de clientes da empresa. Informações sobre contratos com cláusulas de sigilo e outros dados que podem comprometer a empresa jurídica e financeiramente.

3# Exposição a vírus e malwares

Outro risco decorrente do uso de software pirata está na maior chance de exposição a vírus e malwares. Essa exposição pode ser causada, principalmente, por dois fatores:

  • A inserção de vírus e malwares durante a modificação do software sem licença.
  • Falta de atualizações contínuas que os softwares licenciados disponibilizam, que,  em cópias piratas, – não existem.

E tal exposição pode levar a danos muito amargos como perda e roubo de dados, senhas e até mesmo uso dessas informações para práticas de crimes.

4# Instabilidades no sistema

Quando a falta de atualizações no software (que softwares piratas não possuem) não torna a empresa exposta a malware e vírus, outro risco ainda pode acontecer na companhia.

Instabilidade no sistema do software pirata.

Ela pode acontecer na forma de bloqueios no acesso de novos recursos que o software licenciado forneceria. Mas também pode acontecer o bloqueio total do programa ou sistema, pois é muito comum que ele pare de funcionar na falta de atualizações periódicas.

5# Falta de acesso a suporte técnico

Mesmo com a possibilidade de realizar certas “atualizações” em um software pirata, ainda há a chance de que o sistema ou programa apresente erros e problemas de funcionamento.Ou ainda, que ele possua determinadas funções complicadas de usar e que precisam da explicação de alguém plenamente capacitado no software. Como um desenvolvedor ou alguém da parte técnica da empresa desenvolvedora.

Ou seja, pontos em que contar com o suporte técnico para o software se faz necessário.Algo que quem utiliza programas piratas não tem direito. E em uma empresa, essa falta vai gerar a interrupção de todo e qualquer processo que dependa do software até que ele seja restabelecido em seu funcionamento.

6# Incorrer em ilegalidade

Não deveria ser necessário mencionar, mas a prática da pirataria é considerada crime. Cometido tanto por quem comercializa e “desenvolve” produtos piratas, como quem faz a compra e uso deles.

Assim, uma empresa está sujeita a ser incriminada legalmente pelo uso de um software pirata. Podendo ser denunciada pelo desenvolvedor do software e tendo de arcar com um processo que pode gerar punições como multas e indenizações por exemplo.

Ah, mesmo que no fim do processo a empresa não arque com perdas financeiras (algo muito difícil), ainda terá perdas na questão do tempo gasto respondendo ao processo.

E por falar em tempo… e sua imagem perante aos clientes e mercado.

7# Desperdício de tempo

Quem já procurou algum conteúdo pirateado na internet para download, como um filme ou música, sabe como é difícil encontrar um link útil. Facilmente as buscas levam para sites que não hospedam mais esses arquivos para downloads piratas. E isso porque estamos falando de arquivos para entretenimento, etc.

Agora imagine o trabalho que vai dar para encontrar links úteis e baixar softwares piratas para uso empresarial. É muito, mas muito mais demorado!

Outro fator que leva uma empresa a gastar muito tempo de forma inútil com o uso de softwares piratas são os problemas com a instalação. Isso porque muitas vezes o antivírus da empresa barra a instalação por conta da presença de indícios de malwares, vírus, etc.

O que pode gerar atrasos de horas nos processos, trazendo prejuízos ao negócio.

8# Exposições repetidas a riscos

O uso de programas pirata pode levar ao usuário a desconfortável situação de ser guiado – pelo software – para páginas de phishing.

O phishing é uma forma de ataque muito utilizada que por meio de mensagens e páginas simulam conteúdos originais para induzir a empresa a erro. Como por exemplo inserir dados pessoais, de clientes, empresa, sigilosos, etc. num site privado.

Ou também instalar softwares maliciosos que podem prejudicar as máquinas da empresa, roubar dados, inserir vírus, entre outros problemas que já mencionamos neste artigo.

9# Credibilidade

Por fim, ainda há um risco que pode arruinar a empresa de forma definitiva: A perda de credibilidade por usar software pirata.

É preciso entender que caso seus clientes, empresas parceiras, além de potenciais clientes, não vão gostar de saber que seus dados podem estar facilmente acessíveis a criminosos porque sua empresa usa sistemas e softwares não licenciados.

Afinal, eles não vão querer correr riscos graves a seus dados e operações por conta de uma empresa que prefere deixar seus clientes e colaboradores vulneráveis só para usar softwares piratas.

Conte-nos o que você achou sobre nosso conteúdo de software pirata e aproveite para entender mais sobre licenças de software

Agora que encerramos nossa lista com 9 riscos que uma empresa se expõe ao usar softwares piratas, faça o seguinte:

Deixe um comentário nos contando o que achou do conteúdo. Pode ser uma dúvida ou algum risco que não mencionamos aqui também.

Além disso, recomendamos muito que leia nosso post anterior, em que falamos mais sobre o que é uma licença de software e porque ela é tão importante. Lá, nós mostramos algumas modalidades de licença, assim como é possível entender quais as vantagens e benefícios que o uso da licença proporciona.

Vale muito a pena a leitura.

Até a próxima!

 

 

Powered by WP Review